Desenvolvimento de metodologia para avaliação de desempenho de estações de tratamento de água

Desenvolvido por uma equipe do Departamento de Engenharia Sanitária e Ambiental da Escola de Engenharia da UFMG (DESA-UFMG), o projeto diz respeito a definição de indicadores de desempenho das estações de tratamento de água e esgoto do Distrito Federal.

Realizada em parceria com a Adasa (Agência Reguladora de Águas, Energia e Saneamento Básico do Distrito Federal), a pesquisa tem por objetivo a elaboração de uma metodologia para ser utilizada na definição da tarifa de água e esgoto.

Inédito no Brasil, este projeto se inspira em metodologias internacionais já desenvolvidas e consolidadas. O foco, neste caso, está nos indicadores que demonstrem o desempenho de estações de tratamento de águas e esgotos de acordo com a realidade brasileira.

Segundo a Adasa, a escolha do DESA-UFMG para a realização desta pesquisa se dá por conta da excelência da atuação do departamento na área de tratamento de águas e esgotos.