Projeto e construção de um gerador síncrono para microturbinas a gás

Desenvolvido pelo professor Thales Alexandre Carvalho Maia, do Departamento de Engenharia Elétrica da Escola de Engenharia da UFMG, o projeto em questão corresponde à concepção e construção de uma microturbina a gás como alternativa de microgeração energética que não envolva, necessariamente, painéis fotovoltaicos, ou seja, aqueles dispositivos utilizados para converter a energia da luz do Sol em eletricidade.

A ideia para a elaboração da pesquisa nasceu da percepção de que as opções de geração de energia a nível individual no Brasil estavam limitadas ou à luz ou ao vento. No entanto, em várias partes do país, principalmente na região norte, há um grande potencial energético armazenado sob a forma de biomassa, obtida através da decomposição de uma variedade de recursos renováveis, como plantas, madeiras, resíduos agrícolas, restos de alimentos, excrementos e até do lixo.
O projeto foi desenvolvido em parceria com as empresas Fahren e Biagio Turbos, e contou com apoio do SENAI (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial).