Simulação de desempenho de motores

O desenvolvimento moderno de motores envolve a otimização do desempenho em diversas condições de operação. O custo de efetuar isso por meio de experimentos vem se tornando cada vez mais elevado em termos de recurso e tempo envolvidos.

A FCA Brasil (Fiat Chrysler Automobiles), em busca de apoio técnico para otimização de motores de forma menos onerosa e mais eficiente, fechou uma parceria com uma equipe do Departamento de Engenharia Mecânica da Escola de Engenharia da UFMG, coordenada pelo professor Ramon Molina Valle.

Foi feita, então, uma simulação capaz de diagnosticar o desempenho termofluidodinâmico dos motores, possibilitando o desenvolvimento mais rápido de novos produtos, redução de gastos e riscos tecnológicos.